Sustos, buzinadas e acidentes

 

 

Pedalar com segurança e tranquilidade na cidade é o desejo de todos os ciclistas urbanos.

Em São Paulo, a agressividade do trânsito e a falta de compreensão de que a bicicleta é um veículo que tem direitos e deveres nas ruas ainda impedem que muita gente utilize esta forma inteligente de locomoção.

Mesmo assim, cada vez mais cidadãos incorporam a bicicleta no seu cotidiano.

Sem contar com infraestrutura adequada e respeito nas ruas, o ciclista urbano é obrigado a desenvolver técnicas e formas de contornar as adversidades.

Escolher caminhos alternativos, sinalizar as conversões, tornar-se visível aos motoristas são algumas das maneiras que o ciclista encontra para garantir a segurança nos deslocamentos.

No site da Ciclocidade, a página Ciclista Urbano traz algumas dicas úteis para quem quer pedalar em São Paulo e exercer a cidadania para melhorar a convivência nas ruas.

Ainda assim, mesmo o ciclista mais experiente está sujeito a situações desagradáveis nas ruas.

No ano passado, o ciclista Marcelo Mig iniciou uma pesquisa na internet chamada “Sustos, buzinadas e acidentes”, com o intuito de mapear onde e como acontecem os conflitos entre bicicletas e demais veículos.

A Ciclocidade apoia a iniciativa e convida todos os ciclistas a participar: se você levou algum susto, tomou uma buzinada ou foi vítima de um acidente, basta visitar o endereço http://tinyurl.com/buzinadas e deixar o seu relato.

Ajude a divulgar esta iniciativa. Os resultados da pesquisa serão divulgados em breve e a sua participação ajudará a melhorar nossa segurança nas ruas.