Perspectivas infantis nos grandes centros urbanos é tema da terceira edição do Ciclodebate

 

Ciclodebates3 Card

Parceria entre a Embaixada da Dinamarca no Brasil e a Ciclocidade - Associação dos Ciclistas Urbanos de São Paulo vai discutir ao longo de 2021 formas de estimular o uso da bicicleta e quais as políticas públicas necessárias para fomentar o ciclismo no país.

Edifícios enormes, avenidas agitadas e barulhentas, grades que restringem o acesso, áreas limitadas para pedestres. Você já pensou em como uma criança compreende os grandes centros urbanos? E como será que elas pensam em deslocamentos nesses espaços?

Esse é o tema do terceiro Ciclodebate, uma parceria da Embaixada da Dinamarca no Brasil com a Ciclocidade - Associação dos Ciclistas Urbanos de São Paulo. A conversa irá reunir especialistas brasileiras e dinamarquesas e elas irão discutir a inserção da perspectiva da criança no planejamento das cidades e nas tomadas de decisão pelo poder público.

O evento será realizado no dia 30 de agosto às 14h, horário do Brasil, via a plataforma Zoom. A participação é gratuita, mas é necessário se inscrever com antecedência neste link devido à tradução simultânea português-inglês.

 

Serviço
Ciclodebate 3 - Cidades educadoras e as infâncias
Quando: Segunda-feira, 30/08, das 14h às 15h.
Onde: Via Zoom - é preciso fazer inscrição prévia

 

Sobre as debatedoras

Lotte Bech – Arquiteta e urbanista fundadora da Urban Cycle Planning
Após passar mais de uma década como gerente de projetos na Prefeitura de Copenhague, Lotte passou a atuar como consultora em mobilidade urbana. Nos últimos anos, ela tem promovido a educação ciclística para crianças em eventos e conferências internacionais, mostrando como funciona o modelo dinamarquês – onde as primeiras lições sobre ciclismo são apresentadas nos primeiros anos de alfabetização.

Mariana Gomes - Gerente de projetos e planejadora urbana na Prefeitura de Fortaleza
Mestre em Planejamento Urbano e Regional pela Universidade de Birmingham, Mariana tem MBA em Gerenciamento de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas e graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Ceará. Trabalha no setor público desde 2013 com projetos relacionados à mobilidade urbana sustentável, segurança viária, projetos de desenho de espaços públicos e gestão de resíduos sólidos.

Heloisa Ribeiro - Integrante do Grupo de Trabalho “Cidade, Infâncias e Juventudes” do IAB Brasil
Arquiteta e urbanista, Heloísa é mestranda em planejamento urbano na FAU-USP. Ela pesquisa e desenvolve projetos de territórios educativos para uma cidade educadora. Atualmente é uma das professoras responsáveis por disciplina eletiva na Escola da Cidade, é coordenadora de projetos no Instituto Aromeiazero e integra o grupo de trabalho “Cidade, Infâncias e Juventudes” do Instituto dos Arquitetos do Brasil - núcleo São Paulo -, ondedesenvolveu o “Manual técnico para Escola Saudáveis”, que analisa e propõe soluções espaciais para as escolas públicas paulistas no contexto da pandemia de Covid-19.

Thayanne Caroline - Educadora popular e Guardiã voluntária em São Miguel Paulista
Mãe e cabeleireira, Thayanne tem 27 anos e é liderança das Guardiãs da Zona Leste, em São Miguel Paulista. Ela desenvolve trabalhos sociais voluntários no Galpão ZL é idealizadora Projeto Ser Criança e organiza ações como a distribuição de cestas básicas e promoção de Dia de Princesa para crianças.