Candidatos assinam compromisso com ciclistas, menos Serra

 

Carta propõe a inclusão da bicicleta nas políticas públicas de transporte com a melhoria da qualidade de vida e mobilidade urbana

Por Felipe Rousselet

 

 

 

Durante o mês passado, alguns dos principais candidatos à Prefeitura de São Paulo participaram de pedaladas pela cidade. Os candidatos Fernando Haddad (PT), Gabriel Chalita (PMDB), Celso Russomanno (PRB), Carlos Giannazi (PSOL) e Soninha Francine (PPS) pedalaram junto com ciclistas da associação Ciclocidade e assinaram a “Carta de Compromisso com a Mobilidade por Bicicletas”. O documento apresenta dez pontos necessários para garantir a mobilidade por bicicletas na cidade.

 

O candidato José Serra (PSDB) pedalou,  porém foi o único que preferiu não assinar a carta de compromissos. A assessoria de imprensa de Serra informou, ao jornal Folha de S. Paulo, que a campanha considera “inadequado encampar indiscriminadamente cartas de compromisso produzidas por entidades que representam demandas específicas de um segmento da sociedade – e não do seu conjunto”. A assessoria disse ainda que uma carta com as propostas para estimular o uso da bicicleta na cidade foi enviada à associação Ciclocidade.

 

De acordo com o diretor-geral da Ciclocidade, Thiago Benicchio, a carta de compromisso foi redigida após uma ampla pesquisa online que recebeu mais de mil respostas. Thiago Benicchio acredita que a assessoria do candidato cometeu um engano ao justificar a decisão de não assinar a carta e afirmou que aguarda e acredita que Serra irá assiná-la até o dia 18 de agosto, data limite definida pela associação.

 

Para Benicchio, a informação da assessoria de imprensa não procede. “Acredito que o candidato José Serra considera importante receber contribuições da sociedade civil organizada. Não são demandas específicas de um setor. Nossa carta traz propostas para a mobilidade urbana de uma forma geral”, diz. Ele ainda afirma que o documento coloca a bicicleta como um instrumento de transformação da cidade.

 

José Serra também deixou de assinar outros termos de compromisso ofertados aos candidatos pela sociedade civil. No evento “Copa, Olimpíadas e Eleições: qual é o legado para sua cidade?”, realizado pela Rede Nossa São Paulo, Serra e Russomano faltaram. Na ocasião, foram apresentados três termos de compromisso: o Cidade dos Esportes, que visa principalmente ao desenvolvimento da cultura esportiva, à democratização do esporte e ao aumento da atividade física na população; o Pacto pela Transparência, que cobra clareza nos investimentos públicos para a Copa do Mundo e Olimpíadas; e o Programa Cidades Sustentáveis, que tem como objetivo o incentivo ao desenvolvimento econômico, social e ambiental do município.

 

 

FONTE