Obras de ciclovia no Butantã devem ter início até o final do mês

O subprefeito do Butantã, Luiz Felippe de Moraes, afirmou nesta quinta-feira (5/9) que as obras da ciclovia na avenida Eliseu de Almeida, que corta o distrito do Butantã, devem começar até o final de setembro. Segundo ele, o projeto executivo foi encaminhado no início dessa semana para a CET (Companhia de Engenharia e Tráfego), que já está estudando a sinalização.

 

Moraes foi um dos convidados da reunião da Frente Parlamentar em Defesa da Mobilidade Humana, ocorrida na Câmara Municipal nesta quinta-feira. Além dele, estiveram presentes grupos que atuam em favor do transporte sobre bicicletas, moradores da região e os vereadores Floriano Pesaro (PSDB), José Police Neto e Nabil Bonduki (PT).

 

Moraes apresentou o projeto da obra e detalhou as propostas para áreas específicas, como a que circunda a estação Butantã, da Linha Amarela do Metrô. De acordo com o subprefeito, já há verba para o seu início e ela está estimada em R$ 3,2 milhões. “A ciclovia será muito útil e servirá como rota para quem vai trabalhar. Muitos moradores do distrito já utilizam a bicicleta com este fim”, diz.

 

Vanir Silva, moradora da região, acredita que a construção da ciclovia será um marco na cidade. Apesar disso, ela defende que bicicletas e automóveis têm que conviver civilizadamente. “A ciclovia infelizmente segrega. Se nos basearmos no Código Nacional de Trânsito, lugar de bicicleta é na via pública”, salienta.

 

De acordo com um dossiê elaborado pela organização Ciclocidade, as tentativas de implantação de uma ciclovia na avenida Eliseu de Almeida vêm desde 2004, quando foi elaborado o Plano Regional Estratégico do Butantã. Este estabeleceu como meta o ano de 2006 para a conclusão da obra, porém no ano seguinte o prazo foi estendido para 2010.

 

FONTE: PORTAL DA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO