Ciclistas fazem manifestação contra liminar que barra ciclovias em SP

Manifestacao contra MPE

Ciclistas protestam na noite desta quinta-feira (19) contra a liminar expedida pela 5ª Vara de Fazenda Pública que paralisa a construção de ciclovias em São Paulo (à exceção da que está sendo implementada na avenida Paulista).

O diretor de participação da Associação dos Ciclistas Urbanos de São Paulo (Ciclocidade), Daniel Guth, diz que o protesto foi organizado em menos de duas horas e que há entre 300 e 350 ciclistas participando.

Os ativistas começaram a manifestação na avenida Paulista e seguiram sentido Vergueiro. Eles pretendem protestar em frente ao Ministério Público, na rua Riachuelo, e depois seguir para o largo São Francisco.

Guth afirma que, apesar de o estopim ter sido a liminar, o protesto não é só para que ela caia.

"Estamos reivindicando que a liminar caia, mas também o investimento no sistema cicloviário, a manutenção das ciclovias, o aumento da rede cicloviária. Estamos estarrecidos com a ação movida pela promotora", diz.

O grupo, segundo ele, enviou uma petição ao Judiciário para que a sociedade civil participe da ação, defendendo o investimento nas ciclovias.

"Amanhã o juiuz vai deliberar para que a gente seja parte da ação. Uma terceira parte interessada. Ai poderemos, na Justiça, defender o uso das bikes e a garantia da segurança dos ciclistas nas ruas".

Procurada, a PM informou que o protesto -que começou por volta das 20h30– era pacífico e que havia cerca de 80 manifestantes.

 

Fonte: Jornal Folha de S.Paulo.