Relato sobre a reunião da Câmara Temática de Bicicleta com o prefeito Fernando Haddad e secretários de governo

ReuniaoCamaraTematicaHaddad1

Data da reunião: dia 10 de Agosto de 2015
Horário: 10h
Local: Gabinete do Prefeito - 6º andar

Na última segunda-feira (10/8), a Câmara Temática de Bicicleta, do Conselho Municipal de Trânsito e Transporte, reuniu-se com o Prefeito Fernando Haddad e com diversos secretários da administração municipal. Na pauta, previamente preparada pelos membros da sociedade civil da Câmara Temática, constavam os seguintes pontos:

Controle de velocidades - apoio irrestrito às politicas de redução dos limites de velocidade; apenas regulamentar/trocar placas não é suficiente; aumentar fiscalização eletrônica e especialmente móvel (durante a madrugada e em locais aleatórios - e sair do centro expandido!); redesenho das vias, pinturas, intervenções de baixo custo, estreitamento do leito em cruzamentos, lombofaixas, avanço de calçadas para reduzir o ângulo (e consequentemente a velocidade) nas conversões; campanha massiva para que as pessoas entendam a importância da redução das velocidades máximas (foco: motorista também ganha com as reduções).

Plano de Mobilidade (PlanMob) - publicar e aprovar com o texto integral ao que foi construído junto com os ciclistas; necessidade de dar publicidade ao mapa do que será feito em estrutura cicloviaria até 2016, 2024 e 2030 (participação da camara temática na validação deste mapa); dos 300km já implantados muitas rotas não fazem muito sentido para os ciclistas (por receio de não remover espaço de carros ou para evitar algum conflito, mesmo tendo os ciclistas indicado as melhores opções); é preciso, depois de termos vencido as resistências iniciais, avançar na redistribuição do espaço viário, pois automóveis ainda ocupam 79% das vias públicas; do que falta do plano dos 400 km é preciso priorizar as vias arteriais, especialmente para as periferias; vias locais e coletoras não são prioridade para segregação (pois apresentam baixo conflito).; saudar as estruturas implantadas nas pontes da região noroeste e oeste (Remédios), no entanto o cronograma de adequação das pontes e viadutos ainda está atrasado.

Manutenção e melhorias das ciclovias e ciclofaixas - Ciclocidade se reuniu com o Secretário de Coordenação das Subprefeituras para agenda de priorização das manutenções. Criar canal de informação e comunicação direto com a Secretaria; importante consolidar modelo de melhoria das ciclovias a partir de uma máquina que recapeia diretamente com asfalto pigmentado; priorizar as novas implantações; atenção para o acabamento das obras.

Campanha de comunicação - pauta recorrente desde a última campanha de comunicação (2013); constituir Grupo de Trabalho junto a SECOM; foco deve ser na promoção do uso de bicicleta:

  1. bicicleta é rápida
  2. bicicleta é econômica
  3. bicicleta é prática
  4. bicicleta é segura, e agora já tem até ciclovias
  5. bicicleta é divertida

 

RESULTADOS E ENCAMINHAMENTOS

Sobre o Plano de Mobilidade (PlanMob) foi informado que ainda estão sistematizando e que há a intenção de apresentá-lo e lançá-lo como decreto no mês de setembro.

O secretário Jilmar Tatto sugeriu que os 100 Km que faltam sejam utilizados para as conexões (perferia-centro) e solicitou a contribuição dos ciclistas para apontar estes locais prioritários.

Tatto, ainda, assumiu o compromisso de reduzir as velocidades das alças de acesso das pontes (marginais) para o limite de 40Km/h.

Foi dito pelo prefeito que a tecnocracia deve ser empoderada pela cidadania. Sugeriu encontro entre técncos e cidadãos.

O Prefeito, ainda, anunciou que todas as vias arterias da cidade terão limite de 50 km/h até o final do ano. E que a troca de sinalização (especialmente placas) será feita gradualmente, em decorrência do volume.

 

Lista dos 5 principais encaminhamentos:

  1. Que a Secretaria de Governo crie um grupo de trabalho para articular as demandas de manutenção das ciclovias/ciclofaixas, envolvendo as demais secretarias afeitas ao tema.
  2. Melhorar a relação da CET com a Câmara Temática de Bicicleta (CTB).
  3. Estabelecer um grupo de trabalho juntamente com a Secretaria de Comunicação (SECOM), com representantes da CTB para estruturação de uma nova campanha massiva de comunicação, com foco na promoção do uso de bicicleta;
  4. Melhorar e ampliar a comunicação com foco nos limites de velocidade, mostrando didaticamente como há vantagens inclusive para motoristas (com aumento das velocidades médias e maior capacidade de atendimento da via, por exemplo);
  5. Sobre os 100 km restantes do Plano dos 400 km de ciclovias, o Prefeito encaminhou que se estabeleça uma agenda com os ciclistas para priorizar as vias de acesso periferia-centro, especialmente as vias arterias.

ReuniaoCamaraTematicaHaddad